Taça da Federação

Noticia FPB
ANA RAIMUNDO E JOANA SOEIRO PROJETAM PARTIDA DA TAÇA FEDERAÇÃO
Ovarense vs. União Sportiva na agenda dos “quartos” (esta sexta-feira, 22h)

Ovarense e União Sportiva disputam o último jogo dos quartos-de-final da Taça Federação, e que está agendado para esta sexta-feira, a partir das 22 horas, com transmissão na FPB TV!

 

Ana Raimundo e Joana Soeiro, figuras muito importantes no emblema vareiro e no campeão nacional, respetivamente, anteviram este encontro para a FPB!

Ana Raimundo – Ovarense

A Ovarense tem pela frente, nos quartos-de-final da Taça Federação, o União Sportiva. Quais são as maiores qualidades do adversário?

Na minha opinião, a equipa do União Sportiva tem referências individuais de grande qualidade. O seu plantel é muito físico e o jogo interior é muito forte. Tem um conjunto de jogadoras experientes que dificultam a partida a qualquer adversário.

Este Ponto Alto vem na melhor altura, depois da Ovarense ter averbado três derrotas seguidas na Liga?

Não considero que seja uma má altura. Nós vimos de três derrotas consecutivas, no entanto é necessário ter em conta que foram jogos equilibrados, disputados até aos momentos finais. Em termos de competição foram jogos importantíssimos que ditaram a descida de dois lugares na tabela classificativa, contudo mostrámos que somos uma equipa capaz de equilibrar qualquer encontro na competição. E é desse modo que vamos encarar a Taça Federação, sabendo que temos capacidades para enfrentar qualquer equipa e que podemos surpreender.

A conquista desta competição é um objetivo da Ovarense?

A conquista da Taça Federação não é um objetivo traçado pela nossa equipa. No entanto, é a primeira vez que a Ovarense participa nesta competição, o que por si só já é uma conquista. Ainda assim, tratando-se de um Ponto Alto, como qualquer equipa, queremos ser competitivos e chegar o mais longe possível.

 

Joana Soeiro – União Sportiva

Quais são as maiores qualidades da Ovarense?

Na minha opinião, a Ovarense é aquela equipa contra ninguém quer jogar. Estamos a falar de um grupo que já trabalha junto há muitos anos, e por isso a química que existe entre cada membro é notória. A Ovarense é também uma equipa rápida e que gosta especialmente de basear o seu jogo nas jogadas exteriores.

O facto do Sportiva ser campeão nacional e de já ter conquistado a Taça Vítor Hugo e a Supertaça, esta temporada, torna-vos favoritas para esta competição?

Favoritas ou não, somos uma equipa que adora jogar finais. Depois de termos conquistado a Supertaça reforçámos a ideia de que o próximo objetivo passaria por ganhar a Taça Federação e por aí fora, até final do campeonato. Temos trabalhado forte diariamente, sempre com essa ideia no nosso foco, e é nessa linha que queremos permanecer.

A saída da Raphaella Monteiro afetou a vossa dinâmica ou sentem-se preparadas para atacar todas as frentes?

A Raphaella é, sem dúvida, uma excelente jogadora, causava muitos estragos aos adversários. O nosso jogo perdeu em vários aspetos, tanto defensivos como ofensivos, mas com a chegada da Destinee Young ficámos a ganhar noutras vertentes, até porque estamos a falar de jogadoras com características muito distintas.

PARTILHA

Related Post